Atualidades

Chico Buarque regrava com MPB4 canção em homenagem a Zuzu Angel

sexta-feira, fevereiro 9, 2024

O cantor e compositor Chico Buarque e o grupo MPB4 começaram juntos, muito antes dos lendários festivais da TV Record. Eles se encontravam nos bares dos arredores da Escola de Arquitetura da USP, no início dos anos 60, para cantar e tocar. As reuniões, por motivos óbvios, foram batizadas de “Sambafo”.

Vieram então os festivais. A passagem mais notória de Chico com o grupo foi na versão de 1967, quando foi apresentada a canção “Roda Viva”, até hoje uma das mais emblemáticas do vasto repertório do compositor.

O belo arranjo vocal tornava ainda mais irresistível a linda canção de Chico, composta para sua peça homônima. Mas este não foi, nem de longe, o único encontro do compositor com o grupo. Em muitos de seus primeiros álbuns, lá estão seus vocais, que enriqueceram ainda mais a sua obra.

Zuzu Angel

Diante de tanta convivência e tantos encontros, o mais curioso é que há apenas uma canção feita em parceria entre Chico e um dos integrantes do MPB4. É a comovente “Angélica, feita em homenagem à estilista Zuzu Angel

Sua história, pra lá de conhecida, virou até o filme “Zuzu Angel”, de Sérgio Rezende, de 2006, com Patrícia Pilar no papel título. Zuzu virou personagem dos anos de chumbo após uma busca incansável pelo corpo de seu filho, o militante político Stuart Angel Jones, morto pela ditadura. Ele é também irmão da jornalista Hildegard Angel.

Zuzu morreu em um “acidente” até hoje inexplicado, na madrugada de 14 de abril de 1976, em um túnel na Estrada da Gávea.

Zuzu deixou na casa de Chico Buarque uma carta que deveria ser publicada caso algo lhe acontecesse, em que dizia: "Se eu aparecer morta, por acidente ou outro meio, terá sido obra dos assassinos do meu amado filho".

O álbum

A participação de Chico Buarque na canção foi gravada no início deste mês. O álbum, que deve contar com outras participações, entre elas Kleiton e Kledir (em “Paz e amor”), Edu Lobo (“Dança do Corrupião”), Paulinho da Viola (“Coisas do mundo, minha nega”), Ivan Lins (“Velas içadas”), Milton Nascimento (“Notícias do Brasil (os pássaros trazem)”) e Alceu Valença (“Na primeira manhã”), entre outros, deverá ser lançado em maior.

credito: Matéria Publicada no jornal Forum em Escrito en CULTURA el 9/2/2024 · 10:37 hs por Julinho Bittencourt

Zuzu em

Atualidades

noticias

Chico Buarque regrava com MPB4 canção em homenagem a Zuzu Angel

Nova versão de “Angélica”, parceria de Chico com Miltinho, foi feita para álbum comemorativo dos 60 anos de carreira do grupo

noticias

Homenagem para Zuzu no Parque Gloria Maria

Alunos da Faetec produzem evento e irão desfilar em homenagem a Zuzu Angel no Parque Glória Maria

noticias

Institituto Zuzu Angel recebe doação de peças centenárias da Fabrica Arp de Friburgo.

O Instituto Zuzu Angel recebeu doação de livro com 26 mil amostras de tecidos, bordados e tules da centenária Fabrica de rendas Arp de Nova Friburgo.

noticias

Institituto Zuzu Angel recebe doação de peças centenárias da Fabrica Arp de Friburgo.

O Instituto Zuzu Angel recebeu doação de livro com 26 mil amostras de tecidos, bordados e tules da centenária Fabrica de rendas Arp de Nova Friburgo.